Aqui é o Mundo das Garotas Fortes


Deleitando-me ao espiar o paraíso que é o Gideon em terra de Eva!

10/02/2015 20:45

 

Heeeey, Dears!

Procurando por novos livros para abastecer as minhas prateleiras aqui em casa, tive uma grata surpresa ao me deparar com o livro (e a autora, cujo nome só tinha escutado falar e...só) de Sylvia Day, o 'Toda Sua' da série Crossfire. À princípio, mesmo não dando muita coisa pela história, eu comprei os 04 (quatro) livros da tal série e são eles: Toda Sua, Profundamente Sua, Para Sempre Sua e Somente Sua. Sim. Eu sou dessas que quando se dispõe a saber de uma história quer ir atéeeee o final...claro que eu corri o risco de não ter gostado da trama (muito bem) desenrolada pela escritora e portanto, jogar meu dindin fora. No entanto, qual não foi a minha (grata) surpresa em ter cometido este ato de coragem e ter investido na ideia. Rss...

Para quem leu "Cinquenta Tons de Cinza", como esta pessoa que vos escreve, sugiro que reprima o pensamento, tipo: "...cara, esta história é igual a da Anastasia e do Cristian" ou "Que saco! Esta mulher copiou a história da E.L. James" ou ainda "...Ta de sacanagem, né?! Esta p* é a mesma história que 50 tons só muda umas características dos personagens!!!". Enfim. Eu tive uns pensamentos beeeem parecidos logo de início, mas me controlei e me forcei a prosseguir com a leitura. Sem cometer spollers: a história de Eva e Gideon, ao meu ver é até melhor, sabia? E óh que eu amei a trilogia de 50 tons e tudo mais...li os livros quase meia dúzia de vezes, então posso falar, hein! Querem saber por quê eu gostei mais da série Crossfire do que a de 50 tons? Então, é que a história deles, Eva e Gideon, parece ser um daqueles amores possíveis, entende? O sexo que rola ali, eu consigo me transportar mentalmente para  aquelas situações e querer fazer exatamente as mesmas coisas. Os dilemas e desentendimentos (muitos e muitos, falando nisto) me parece algo mais...real (não que o problema de Cristian não seja, longe disso). É que eu devo preferir um homem loucamente-sexy-dominador-lindo como o Gideon do que um homem tão obscuro como o Cristian. Creio que a maioria de nós mulheres se veja nos braços (musculosos até) de Cross mesmo com todos os problemas que ele carrega consigo. A maneira como ele encontrou para lidar melhor com o trauma que ele sofreu me é mais convincente e compreensível. E quanto Eva, bom ela me parece mais real mesmo sendo tão louca-ciumenta-pavil curto-muitas vezes agressiva e muitas outras coisas quanto ela. Os outros personagens da série são quase igualmente fascinantes quanto o  casal.

A coleção Crossfire fez tanto sucesso no EUA que a Liongate comprou os direitos para  transformar a história em série. Dizem que isto ocorrerá após o lançamento do quinto e último livro (sniff) da coleção. Quando terminar de ler todos os livros poderei fazer uma resenha sobre os livros. Por ora só desejo que leiam os livros da série Crossfira da escritora Sylvia Day (que está sendo a minha favorita no momento).Abram a mente para conteúdos que inevitavelmente serão parecidos ao de 50 tons de cinza, mas  podem te fazer inebriar de amor por livros de outras (ou outros) escritoras(es) tão boas quanto a E. L. James.

 

Até a próxima, gatas (e gatos, por quê não?)!!!

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!